MORO DIZ QUE DESEMBARGADOR É “INCOMPETENTE” E QUE NÃO VAI CUMPRIR DECISÃO

CASO LULA

Moro diz que desembargador é ‘incompetente’ e que não vai cumprir decisão

Juiz federal diz que é preciso consultar o relator do caso do triplex antes de soltar o ex-presidente

 

Moro

A defesa de Lula já havia tentando, por meio de outro recurso, tirar os depoimentos de Moro, mas a Segunda Turma negou esse pedido
.
.

Horas depois de o desembargador Rogério Favreto conceder habeas corpus ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da silva, o juiz federal Sergio Moro publicou despacho questionando a autoridade do magistrado. “Com todo o respeito, é autoridade absolutamente incompetente para sobrepor-se à decisão do colegiado da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região e ainda do plenário do Supremo Tribunal Federal”, diz Moro.

Segundo Moro, antes do cumprimento da decisão, é preciso consultar o desembargador João Pedro Gebran Neto, relator do caso.

“Se o julgador ou a autoridade policial cumprir a decisão da autoridade absolutamente incompetente, estará, concomitantemente, descumprindo a ordem e prisão exarada pelo completente colegiado da 8a Turma do Tribunal Regional Federal da 4a Região”, reafirma Moro.