POLICIAIS MILITARES E CIVIS INVADEM O PALÁCIO DA LIBERDADE EM MINAS GERAIS POR COBRANÇA SALARIAL

PROTESTO

Policiais civis e militares invadem o Palácio da Liberdade

Servidores cobram melhorias salariais e o pagamento até o quinto dia útil

 

Servidores da segurança pública, entre eles bombeiros, policiais miltiares e civis e agentes penitenciários, invadiram o Palácio da Liberdade, na praça da Liberdade, região Centro-Sul de Belo Horizonte, na tarde desta quarta-feira (6).

Os servidores protestam pedindo uma série de melhorias para o governo. Eles dizem que vão acampar no Palácio até que suas demandas sejam atendidas. Os manifestantes afirmam que já estão providenciando as barracas. 

O prédio do Palácio da Liberdade acabou sendo evacuado e os servidores que trabalham no local foram embora. A reportagem de O TEMPO aguarda resposta do governo sobre a invasão. 

O trânsito no entorno da praça da Liberdade está completamente fechado. 

Manifestação 

Mais cedo, cerca de 3.000 servidores fizeram um protesto nas ruas do entorno do Palácio da Liberdade. Dentre os pedidos dos manifestantes estão: a reposição salarial e reposicionamento do pagamento para o 5º dia útil. Os serviores afirmam que podem parar.