DIAS D’ÁVILA: CÂMARA ENTRA EM RECESSO COM DIVERGÊNCIAS ENTRE VEREADORES DA SITUAÇÃO

A Câmara de Vereadores de Dias d’Ávila entrou em recesso desde o dia 20 de junho (data da última sessão ordinária) com prováveis problemas para serem resolvidos pela Bancada do Governo neste ano eleitoral (eleições tanto pra deputados, senadores e governador – quanto para a presidência da câmara municipal que deverá ser em setembro).

 

Nesta sessão ordinária desta data, os vereadores Thiago Saraiva (PDT) e Renato Henrique (PT) tiveram divergências na plenária que deixaram os presentes sem entender nada.

 

É que o Vereador Thiago Saraiva havia reclamado em outras sessões sobre o número reduzido de vereadores na plenária quando em sua fala livre ao final da sessão – principalmente os vereadores da oposição, que é quando o mesmo teria vontade de responder a alguns questionamentos feitos pelos mesmos. Acontece que o Vereador Renato Henrique quis explicar o motivo de sua ausência na parte final do dia em questão – pois estava resolvendo questões oficiais – no que foi rebatido pelo Vereador Thiago que perguntou se o mesmo fazia parte da oposição (pois segundo ele, a colocação feita por ele tinha sido para a oposição).

 

Houve um ligeiro desconforto e desentendimento que foi contornado pelo Presidente da Casa, o Vereador Dr José Carlos que suspendeu a sessão por 5 minutos para que a questão fosse resolvida na sala de reunião, à portas fechadas. No retorno, o presidente da casa brincou dizendo que os vereadores estavam de cabeça quente por causa do São Pedro e dos jogos da Copa do mundo e que divergências são normais em uma democracia. 

 

Fato foi que o público presente percebeu a situação.

 

Nesta mesma data, o Vereador Renato Henrique que faz parte da mesa diretora da sessão, não sentou à mesa, se posicionando na bancada entre a Vereadora Mucugê e Dona Zeni, no local que era destinado a Vereadora Imperatriz, sendo que esta, por sua vez ocupou lugar como primeira secretária.

 

Fato faz lembrar que, na mesma época, no ano passado, o Vereador Renato Henrique encerrou o primeiro semestre falando que tinha uma denúncia para fazer sobre um caso de assédio de um funcionário da câmara a uma outra pessoa que também seria funcionário(a) daquela casa – e que até hoje não foi denunciado.

 

Mesmo com tal a divergência desta última sessão, os vereadores em questão alegaram que continuam trabalhando em apoio a Prefeita Jussara Márcia e junto com o Vereador e Presidente da Casa, Dr José Carlos.