GRADATIVAMENTE CAMAÇARI VAI ABRIR O COMÉRCIO À PARTIR DO DIA 27 DE JULHO

Compartilhe suas Notícias Preferidas!
Please follow and like us:

A Prefeitura de Camaçari se reuniu com entidades representativas do comércio, órgãos de fiscalização e gestores municipais para um alinhamento definitivo sobre a reabertura parcial das atividades econômicas na cidade. O retorno gradual do funcionamento dos estabelecimentos classificados como não essenciais está previsto para ser iniciado na próxima segunda-feira (27), e a decisão deve ser oficializada na próxima sexta-feira (24).

O encontro aconteceu na sala de reuniões da Secretaria de Governo (Segov), onde o plano estratégico para a reabertura das atividades econômicas foi apresentado pelo governo municipal para representantes da Associação Comercial Empresarial de Camaçari (ACEC), da Câmara de Dirigentes Lojistas de Camaçari (CDL), da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-Ba), e da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado da Bahia (FCDL-BA). 

A explanação expôs os regramentos pensados para garantir a segurança de consumidores e funcionários dos estabelecimentos comerciais e da sociedade como um todo, através da adoção de diretrizes que devem ser rigorosamente cumpridas para que a curva de crescimento não ascenda e o governo se veja obrigado a recuar e determinar o fechamento do comércio novamente. Tais diretrizes dizem respeito a procedimentos gerais e inegociáveis, como o obrigatório uso da máscara, bem como sobre orientações específicas para cada segmento comercial. Todos os detalhes serão elencados e oficializados por meio de decreto. 

Após a apresentação do plano estratégico, o secretário da Saúde, Luiz Duplat, expôs o panorama do coronavírus em Camaçari, demonstrando a desaceleração dos contágios e o início de um cenário mais otimista que, com o apoio e a consciência da população e da classe empresarial, deve ser mantido com melhoria progressiva.

Na ocasião, o prefeito Elinaldo Araújo fez questão de ressaltar que a decisão é tomada com base nas recomendações apresentadas pelo Governo do Estado que, entre outros critérios, estipulou o máximo de 75% de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O gestor também salientou que esta é uma estratégia construída de forma conjunta, com a participação de outras cidades da Região Metropolitana de Salvador (RMS). “Não adianta o comércio abrir em Camaçari e fechar em Simões Filho, por exemplo, porque quem mora lá vai acabar vindo pra cá. Por isso estamos agindo de maneira unificada, buscando garantir uma reabertura organizada e segura”, afirmou.

Elinaldo também fez questão de agradecer o apoio das polícias Militar e Civil, que vão continuar sendo importantes parceiros no trabalho de fiscalização, juntamente com a Secretaria dos Serviços Públicos (Sesp). O tenente-coronel Gabriel Neto, do 12º Batalhão da Polícia Militar (BPM), reafirmou a parceria com o governo municipal. “Vou preparar a minha tropa, vamos nos debruçar sobre este plano estratégico e fazer com que ele se cumpra”, comentou.

Juranildes Araujo, vice-presidente da Fecomércio, agradeceu pelo empenho da Prefeitura de Camaçari na construção de um plano de reabertura do comércio local. “Vamos fazer a nossa parte, orientando os comerciantes sobre a importância do cumprimento das medidas. Não é porque abrimos que é pra afrouxar os cuidados. Pelo contrário, é hora de intensificar o cumprimento de todas as medidas, para que o comércio continue aberto. Cada um fazendo sua parte, vamos superar essa fase”, disse, em apoio ao plano estratégico.

.

Fonte – Bahia Notícias