LULA É SOLTO DEPOIS DE 1 ANO E 7 MESES PRESO EM CURITIBA

Compartilhe suas Notícias Preferidas!
Please follow and like us:
Follow by Email
Facebook
Twitter
Instagram

Ex-presidente ficou preso um ano e sete meses na sede de Polícia Federal de Curitiba, no Paraná

Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi solto nesta sexta-feira (08) após ficar preso um ano e sete meses na sede de Polícia Federal de Curitiba, no Paraná. 

O juiz Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal de Curitiba, determinou às 16h15 desta sexta-feira (8), a imediata expedição de alvará de soltura do petista

O petista ganhou a liberdade após seus defensores alegarem alegaram que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que derrubou ontem a possibilidade execução provisória da pena após condenação final em segunda instância, é de conhecimento público e, por isso, solicitaram o alvará de soltura.

Lula estava preso desde 7 de abril de 2018, após se entregar a PF em São Bernardo dos Campos em São Paulo. Ele foi condenado por pena de 8 anos, 10 meses e 20 dias por causa do caso do triplex em Guarujá (SP). O petista já possuía requisitos necessários para progredir para o regime semiaberto, que é atingir 1/6 da pena, no entanto, a defesa de Lula não quis a liberação por que espera a absolvição.

Próximos passos

A estimativa da Polícia Militar é a de que 2 mil pessoas receberam o ex-presidente diante da Superintendência da PF. A presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad e o ex-senador Lindbergh Farias (RJ) também foram ao local.

Ao deixar a sede da PF, Lula fez um discurso no terreno em frente onde estava preso. Por lá, estão apoiadores da intitulada “Vigília Lula Livre”. Durante os 20 meses em que ficou detido, várias pessoas se revezaram em vigília.

“Vocês não têm a dimensão do significado de eu estar aqui junto com vocês. Eu, que a vida inteira tive conversando com o povo brasileiro, não pensei que no dia de hoje poderia estar aqui conversando com homens e mulheres que durante 580 dias ficaram aqui dando bom dia lula, gritaram boa tarde lula, gritaram boa noite lula não importa se estivesse chovendo, não importa se estivesse quartante graus, se estivesse zero graus.

Todos os dias vocês estavam alimentando a democracia que precisava para resistir a safadeza e a canalhice que um lado podre do Estado brasileiro fez comigo e com a sociedade brasileira. O lado podre do Ministério Público, da Polícia Federal e da Receita Federal.

Trabalharam para tentar criminizar a esquerda, o PT, o Lula e eu não poderia ir embora daqui sem poder cumrpimentar vocês. Primeiro eu quero cumprimentar os companheiros que trabalharam aqui nesta coordenação dia e noite”, disse o ex-presidente.

São Paulo

Em seguida, o ex-presidente deve ir para São Bernardo do Campo, onde mora. Não se sabe ainda se ele irá para sua casa ou a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde fez seu último pronunciamento antes da prisão.

.

Fonte – Jornal OTempo