SHOPPINGS DE SALVADOR NÃO ABRIRÃO AS PORTAS NO SÁBADO, DIA DAS CRIANÇAS

Compartilhe suas Notícias Preferidas!

Lojas e shoppings de Salvador não irão funcionar neste sábado (12), quando se comemora o Dia das Crianças e se tem o feriado nacional de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (11) pelo Sindicato dos Lojistas (Sindilojas), Paulo Motta.

“Hoje houve uma reunião entre o Sindicato dos Comerciários na sede da Fecomércio-BA, em que foi tentado, ainda, viabilizar, um acordo específico para que o comércio pudesse funcionar amanhã e no dia 8 de dezembro. Em contrapartida, seríamos liberados no dia 21 de outubro, Dia do Comerciário”, explicou, em entrevista ao Bahia Notícias.

O sindicalista ainda pontuou que o acordo não aconteceu por conta de detalhes. Os comerciários pediam uma bonificação de R$ 45 por cada feriado – 12 de outubro e 8 de dezembro -, folga e vale alimentação de R$ 6 para quem trabalhasse acima de 6h. “Eles só quiseram avançar nos R$ 40 do trabalhador e R$ 5 depositados na conta do sindicato. Eles falaram que só podiam fazer isso autorizados pelo dono do dinheiro: o comerciário. Eles não concordaram porque entendem que o comerciário não iria deixar fazer esse desconto para eles”, disse.

A legislação sobre trabalhos para comerciários em feriados versa sobre o entendimento sobre as partes em convenções. No entanto, isto não ocorre em Salvador desde março de 2018. “Então, infelizmente, estamos em dois exercícios sem convenção. Para poder usar a mão em dia de feriado, tem que ter acordo por convenção”, concluiu.

A estimativa Associação Brasileira de Shoppings Centers (Abrasce) é de que somente os shoppings tenham um prejuízo de R$ 10 milhões. Ao todo, 12 mil lojas devem fechar neste feriado.