CRIME BÁRBARO NO CRISTO REI ASSUSTA DIASDAVILENSES

E aconteceu na noite do dia 29 de dezembro – mais um assassinato em Dias d’Ávila. Desta feita no Cristo Rei, próximo a pracinha do bairro, na rua Paraíba, por volta das 19 horas. O alvo foi Edson da Conceição Santana Filho, 27 anos, de São Sebastião do Passé e que estava residindo em Dias d’Ávila. Levou cerca de 19 tiros e na ação, marginais alvejaram uma criança que estava na rua e fugiram em duas motos ainda sem identificação – e eram em número de quatro.

O menor I.V.M. de 4 anos veio à óbito na quarta-feira pela manhã no Hospital Geral do Estado, em Salvador. Esta criança era vizinha de Edson, estava na rua no momento da ocorrência.

 

O fato consternou de imediato a cidade de Dias d’Ávila – que vem sendo assolada por um grande número de ocorrências vítimas de disparos de arma de fogo e de violência contra à pessoa  – e inclusa está no Mapa da Violência como a 18ª cidade mais violenta da Bahia e a 61ª mais violenta no mapa brasileiro.

A ocorrência foi discutida largamente pelas redes sociais e pela cidade inteira – onde a população procura saber o que as nossas autoridades poderão fazer para tentar melhorar o quadro que a cidade está vivenciando. Audiências Públicas sobre o assunto “segurança” já foram feitas no sentido de inibir que este número viesse a crescer – mas as políticas públicas adotadas para empregar e ocupar os nossos jovens, não surtiu efeito e nem foi levada a cabo como deveria ser. O combate às drogas – aquele que tem de ser feito antes da ação das polícias – não está sendo feito a contento.

Próximo a virada do ano – este crime é o que mais chama a atenção por envolver uma criança – vai deixar as marcas de um 2015 violento e as perspectivas de iniciar o 2016 no mesmo ritmo – se nada for feito para inibir e coibir este avanço da marginalidade.

 

.